Logo UFPR

UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

UFPR sedia evento internacional sobre ordenamento territorial e mudanças climáticas

“O ordenamento territorial no contexto das mudanças climáticas: oportunidades para o desenvolvimento territorial sustentável” é o tema do VII Workshop da Rede Ibero-americana de Observação Territorial (Ridot), sediado pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). A edição começa nesta segunda-feira (27).

É a primeira vez que a Ridot promove o evento no Brasil e conta com a organização pelo Laboratório de Geoprocessamento e Estudos Ambientais (Lageamb) da UFPR. O formato será híbrido, com transmissão on-line e tradução simultânea. Além de lançamento e apresentação de livros, conferências e mesas-redondas compõem a programação, baseada em eixos temáticos coordenados por professores de diversos países: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Cuba, Equador, Espanha, México, Portugal, Uruguai e Venezuela.

No dia 28 de março, haverá apresentação de trabalhos em quatro modalidades – resumo, resumo expandido, artigos científicos e notas técnicas (uma novidade para 2023). De acordo com a organização, a edição já é a segunda com mais trabalhos inscritos. Os melhores trabalhos completos de cada eixo serão publicados em revistas internacionais parceiras. As demais produções serão publicadas em anais com Internacional Standard Book Number (ISBN). O sistema é responsável pela identificação do autor, do país e de outros dados.

O evento conta com a coorganização da Associação dos Profissionais Geógrafos do Estado do Paraná (Aprogeo). Também conta com patrocínio da Itaipu Binacional, Companhia Brasileira de Logística (CBL), Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (CREA-PR), Caixa de Assistência dos Profissionais do CREA (MÚTUA-PR), Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA), Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), Programa de Pós-Graduação ProfÁgua da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) e do Programa de Pós-Graduação em Geografia da UFPR.

Rede Ibero-americana de Observação Territorial

A Ridot surgiu em 2007, pela iniciativa dos professores Joaquín, da Universidade de Valência, na Espanha, e Ángel Massiris Cabeza, da Universidade Pedagógica e Tecnológica da Colômbia. O primeiro evento foi realizado em 2009, na Universidade Nacional de Cuyo, em Mendoza, na Argentina.

Os workshops ocorrem a cada dois anos e reúnem pesquisadores, acadêmicos, técnicos e políticos de países que demonstram preocupação com os efeitos das mudanças climáticas, das dinâmicas territoriais e das flutuações e transformações que ocorrem no entorno da economia e da sociedade – processos que impactam o território e afetam as condições de vida da população.

Sugestões

Vice-reitora da UFPR participa de evento em prol da saúde mental materna
No próximo sábado, 11, às 14h, na Ópera de Arame, a vice-Reitora da UFPR, Graciela Bolzón de Muniz, estará...
Finanshe: Primeiro evento da UFPR sobre investimentos e finanças voltado para às mulheres
A Liga de Investimentos e Finanças da Universidade Federal do Paraná (UFPR) promove o  primeiro...
Centro de Medicina Veterinária do Coletivo comemora segundo aniversário com ação de adoção de cães
O Centro de Medicina Veterinária do Coletivo (CMVC) da Universidade Federal do Paraná (UFPR) comemora...
Psicologia para todos: Vivências musicais para qualidade de vida na doença de Parkinson
A atividade será realizada no dia  30 de abril, às 11h, através do Projeto Psicologia para Todos,...