Logo UFPR

UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

UFPR recebe visita do embaixador de Portugal no Brasil

O encontro aconteceu na última sexta-feira, 21 de outubro. Foto: Leonardo Bettinelli (SUCOM/UFPR)

O embaixador de Portugal no Brasil, Luís Faro Ramos, realizou uma visita de cortesia à Universidade Federal do Paraná (UFPR) no mês de outubro.  A autoridade foi recebida pelo reitor Ricardo Marcelo Fonseca, pela vice-reitora Graciela Inês Bolzón de Muniz e pela coordenadora de cooperação internacional, professora Anna Gabriella Tempesta. O encontro ocorreu na Reitoria, em Curitiba, com o objetivo de corroborar a parceria com a Federal e prospectar futuros projetos.

O encontro integra as iniciativas associadas à cátedra Camões José Saramago, inaugurada em maio deste ano, e foi organizado pelo Programa de Pós-graduação em Ciência Política da UFPR (PPGCP).

Durante a visita, o reitor da UFPR ressaltou a importância do Programa de Pós-graduação em Letras (PPGL) da Federal do Paraná. “É um dos mais bem avaliados pela Capes dentro da universidade”, falou. Além disso, externou o mérito de sediar a primeira Cátedra Camões do sul do Brasil. “Uma extrema alegria para nós sediá-la nas dependências da nossa universidade”, finaliza.

Referindo-se à criação desta cátedra, o Embaixador salientou tratar-se da cátedra mais jovem do Brasil, denotando a contínua consolidação de um mecanismo a dar resultados tão rápidos. “Estamos muito satisfeitos com essa dinâmica, normalmente você estabelece um mecanismo, mas demora a começar dar frutos, esse não é o caso da cátedra José Saramago, essa cátedra é jovem, a mais jovem do Brasil”, exprime.

Em sua passagem pela UFPR, o representante ministrou uma palestra com o tema “As relações entre Portugal e o Brasil: presente, passado e futuro”, dedicada às pacíficas vinculações entre os países. “Quero explicar que para nós entendermos o nosso presente, temos que estudar o passado. Estudando o passado e entendendo o presente conseguimos projetar melhor o nosso futuro”, explica Ramos.

Dentre as questões abordadas na conferência, Luís Faro destacou a importância que boas relações asseguram para o futuro. “Vemos que o futuro da relação é muito bom e está assegurado, como nas áreas da saúde, agroalimentar,  institucional e da compreensão universitária”, conclui o embaixador.

A cátedra Saramago na Universidade Federal do Paraná é a 8.ª cátedra que o Camões I.P. cria no Brasil. Foto: Leonardo Bettinelli (SUCOM/UFPR)

Participaram do encontro a Embaixatriz Maria Cristina Ramos, a Conselheira Cultural Alexandra Pinho, o Conselheiro Econômico Francisco Saião Costa, a Vice-cônsul Suzana Pereira, o professor do Departamento de Literatura e Linguística da UFPR, Antonio Augusto Nery, além de alguns alunos  do PPGL. 

De acordo com Suzana, a parceria com a universidade é de extrema importância. “A cátedra já deu mostras de ser muito ativa e o nosso parceiro aqui, professor Antônio Nery, é uma pessoa que colabora muito. Isso cria um clima de confiança entre nós e a instituição”, fala. A vice-cônsul finaliza deixando um recado aos estudantes que desejam estudar em Portugal. “Queria relembrar os alunos que nós temos um posto do  consulado aqui em  Curitiba, nesse momento tem muitos discentes indo fazer intercâmbio”, encerra.

(Por Felipe Reis, estagiário, com orientação de Simone Meirelles)

Sugestões

Professor da UFPR recebe nomeação para o comitê de liberdade sindical da  OIT
Neste último final de semana, no dia 14 de junho, o professor Sandro Lunard da Universidade Federal do...
UFPR divulga diretrizes para readequação do calendário acadêmico
Tendo em vista o contexto da greve nacional dos servidores técnico-administrativos e servidores docentes,...
Professor da UFPR recebe prêmio  Internacional de Excelência em Endocrinologia da Endocrine Society
O professor titular do Departamento de Clínica Médica da Universidade Federal do Paraná (UFPR), Cesar...
Em parceria com o Ministério das Cidades, UFPR inicia projeto de extensão Periferia Sem Risco
Equipe do Laboratório de Geoprocessamento e Estudos Ambientais da UFPR integra rede com outras 15 universidades...