Logo UFPR

UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Gestão da UFPR e Comando de Greve Docente realizam reunião e avançam nas negociações

Em uma reunião realizada ontem (23/05) no prédio histórico da Universidade Federal do Paraná (UFPR), na Praça Santos Andrade, a gestão da UFPR se encontrou com representantes do comando de greve dos docentes. Antes do início, a pedido dos interessados, houve uma reunião com o comando de greve unificado, com participação também de representantes dos técnicos e dos estudantes, que entregaram documento para o reitor.

Foto: Leonardo Bettinelli.

O representante do comando de greve dos técnicos reconheceu a regularidade e a transparência das reuniões com a administração da universidade, destacando avanços significativos nas negociações. As negociações com os técnicos está mais adiantada, já aconteceram seis reuniões entre comissão da gestão e do comando de greve. Os representantes dos alunos apresentaram pela primeira vez suas pautas de reivindicações.

Após as falas iniciais, teve início mais uma rodada de negociação entre a gestão da UFPR e os representantes dos docentes. Mais de 80% das pautas de reivindicações apresentadas pelo movimento já estão encaminhadas, demonstrando uma convergência de pautas e uma busca colaborativa por soluções entre a gestão e os representantes dos professores. No entanto, ainda existem pontos a serem debatidos para buscar melhores soluções conjuntas.

Foto: Leonardo Bettinelli.

No ponto dos Restaurantes Universitários (RU), por exemplo, ficou acordado que a UFPR testará novas formas de atendimento. Esse esforço visa reduzir o tempo de espera nas filas, em um acordo estabelecido entre a gestão e os docentes, que será ainda explanado aos demais representantes dos técnicos e dos estudantes.

O reitor comunicou ao comando de greve docente que esteve na quarta-feira (22/05) no Ministério Público Federal (MPF) em diálogo com o procurador da República que está oficiando como substituto, no caso da recomendação. Ressaltou ainda que, embora considere desnecessária e indesejada a intervenção do MPF, que recomendou a suspensão da reunião deliberativa do Coun, sobre o calendário acadêmico na UFPR, como gestor da instituição, destacou a necessidade de lidar com essa questão com muita responsabilidade institucional e cautela em relação às possíveis consequências jurídicas a todos os conselheiros. O reitor também explicou que, nos últimos seis anos, houve mudanças jurídicas significativas, principalmente na interpretação da Lei de Greve. 

A reunião foi considerada produtiva entre os participantes, mostrando um comprometimento mútuo na busca por soluções que atendam aos interesses da comunidade universitária. Participaram do encontro o reitor da UFPR, Ricardo Marcelo Fonseca, a chefe de gabinete, Marinês de Pauli Thomaz, o pró-reitor de gestão de pessoas, Douglas Ortiz Hamermuller e o superintendente de comunicação, Carlos Rocha.

Sugestões

Aluno da UFPR recebe premiação na 47ª Reunião Anual da SBQ
No período de 22 a 25 de maio aconteceu a 47ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, ...
Projeto de Extensão da UFPR realiza podcast mensal; saiba mais
O Eduquê é um podcast mensal que promove a partilha de conhecimento qualificado por ativistas e acadêmicos...
NC/UFPR promove encontro de elaboradores de provas para concursos e processos seletivos
Cerca de 140 pessoas participaram, no último domingo (16), do “Encontro de elaboradores de prova”, realizado...
Simepar prevê inverno com pouca chuva, altas temperaturas e rápidas ondas de ar frio; saiba mais
Todo esse fenômeno será sob influência do fenômeno climático La Niña O inverno começa às 17h51 desta...