Doutora formada na UFPR recebe prêmio internacional

03 julho, 2024
10:00
Por Bruna Soares
Ciência e Tecnologia

A pesquisadora Aline Krolow Soares, recém doutora em Engenharia e Ciência de Materiais pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), recebeu na última sexta-feira ( 28) o IUFRO Student Award for Excellence in Forest Science, durante o Congresso Mundial da União Internacional de Organizações de Pesquisa Florestal (IUFRO), em Estocolmo, na Suécia. A pesquisa de Aline Soares, desenvolvida no Laboratório de Tecnologia da Madeira da Embrapa Florestas, propõe um novo modelo de biorrefinaria para a indústria de destilação de óleos essenciais, aproveitando o subproduto da produção de óleo. “O objetivo foi reaproveitar a água residual da destilação de folhas de Corymbia citriodora, que normalmente é descartada”, explica Aline.

Foto: IUFRO

A pesquisa mostrou que é possível otimizar o processo, reutilizando a água da destilação em até sete vezes e concentrando compostos químicos de interesse econômico, como taninos, frutose, glucose e sacarose. “Esta pesquisa tem grande impacto social, pois abre novas possibilidades de produção a partir de um resíduo industrial”, afirma a doutora.

O pesquisador Washington Magalhães, orientador da tese, ressalta a importância da pesquisa: “A pesquisa, além de gerar um modelo inovador para a produção de óleos essenciais, contribui para a sustentabilidade e a economia circular na indústria florestal”.

A técnica de hidrodestilação sequencial, aplicada no estudo, permitiu a concentração dos compostos químicos de interesse no subproduto. A alta concentração de açúcares, por exemplo, abre possibilidades para a produção de ácido láctico, um importante precursor para plásticos biodegradáveis. Já os compostos fenólicos, como os taninos, apresentam grande potencial para a produção de antioxidantes, com aplicações em alimentos, cosméticos e produtos farmacêuticos.

O estudo da pesquisadora representa um avanço significativo para a indústria de óleos essenciais, demonstrando a viabilidade da produção de novos produtos a partir de um subproduto usualmente descartado. 

“Receber um prêmio como esse é uma realização, mas ele só é possível graças ao suporte do meu orientador, Dr. Washington Magalhães, e de  todo nosso grupo de pesquisa na Embrapa Florestas e também da UFPR, que colaboraram com a construção desta pesquisa”, celebra Aline.

Sobre a IUFRO

A IUFRO (União Internacional de Organizações de Pesquisa Florestal) é uma organização global que reúne cientistas, profissionais e outras partes interessadas no campo das ciências florestais. A IUFRO promove a colaboração internacional em pesquisa florestal, buscando soluções sustentáveis para os desafios relacionados a florestas e seus recursos. O Congresso Mundial IUFRO 2024, que aconteceu em Estocolmo/Suécia, reuniu cerca de 4.500 pesquisadores de 110 países. O evento serviu como plataforma para apresentar os resultados de pesquisas recentes, compartilhar conhecimentos e promover a colaboração entre pesquisadores, profissionais e tomadores de decisão de todo o mundo.

Saiba mais sobre o prêmio no site do  IUFRO clicando aqui (texto em inglês).

Com informações da assessoria de comunicação da Embrapa Florestas.

Sugestões

18 julho, 2024

Cartazes e panfletos resultantes da parceria de projetos de extensão serão apresentados em evento aberto à comunidade nesta sexta-feira (19) no Campus Jardim Botânico, em Curitiba.

18 julho, 2024

Respeitada a disponibilidade orçamentária institucional, a Prograd pode disponibilizar até 500 vagas de monitoria, das quais 100 serão reservadas à modalidade Fluxo Acadêmico.

18 julho, 2024

A Universidade Federal do Paraná (UFPR), através da rede Coalizão Paraná pela Década do Oceano, em parceria com […]

17 julho, 2024

Pesquisadores do C3SL e do VRI vão trabalhar com IA sobre o arquivo histórico da Academia de Ciências de Berlim-Brandemburgo.