UNIVERSIDADE
FEDERAL DO PARANÁ

Desastres naturais e mudanças climáticas são debatidos por docente da UFPR em evento da Abin

Em meio aos atuais desafios causados pelos desastres naturais na região sul, a Agência Brasileira de Inteligência (Abin) promoveu, no dia 21 de novembro, o encontro do Sistema Brasileiro de Inteligência (Sisbin), em Porto Alegre/RS. A Agência vem realizando, desde setembro, ciclos de encontro regionais no âmbito do Sisbin para discutir as mudanças climáticas.

O tema do encontro na região sul foi “Inteligência e Mudanças Climáticas: atuação do poder público frente aos desastres naturais”. Recentemente, os três estados da região – Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina – vêm enfrentando ciclones, enchentes, estiagem, chuvas de granizo e incêndios florestais, provocando mortes e prejuízos econômicos.

A professora da Universidade Federal do Paraná, Alice Grimm, foi convidada para proferir a palestra base do componente técnico-científico do evento, com o título: “Desastres naturais no Brasil: contribuição de oscilações climáticas e de mudanças climáticas”. A docente ainda participou de uma mesa-redonda respondendo perguntas da plateia.

Para Alice, as mudanças climáticas são intensificadas por ações antrópicas, gerando danos materiais e prejuízos. Dados apresentados pela titular da UFPR mostram que o Brasil ficou em terceiro lugar em número de mortes por desastres naturais reportadas na América do Sul de 1970 a 2019, atrás apenas do Peru e da Venezuela.

“Não se poderia atribuir a seca a efeito de tendência da precipitação devido ao aumento de gases de efeito estufa e, consequentemente, aquecimento global, pois modelos apontam aumento de precipitação no sul do Brasil. Contudo, isto exime a mudança antrópica de responsabilidade sobre eventos extremos deste tipo? Não!”, declarou.

Participaram do encontro autoridades federais, estaduais e municipais; acadêmicos e empresários. Entre os presentes, o diretor- geral da Abin, Luiz Fernando Corrêa, o secretário de Segurança Pública do Rio Grande do Sul, Sandro Caron, e o procurador-chefe da Procuradoria da República da 4Região, Antônio Carlos Welter.

Com informações da Agência Brasileira de Inteligência

Sugestões

Exposição de arte em cerâmica terá oficinas de modelagem livre
O projeto de extensão Espaços em comum: práticas artísticas em cerâmica, do curso de Artes Visuais da...
Programa de Pós-Graduação em Psicologia e a UAM promovem evento para a terceira idade
Estão abertas as inscrições para o “Sono na terceira idade: Psicologia para todos”, gratuito e presencial,...
Literatura polonesa e Holocausto é tema do evento promovido pelo Centro de Estudos Poloneses
O Centro de Estudos Poloneses, o Curso de Letras Polonês e o Programa de Pós-Graduação em Letras da Universidade...
Encontro aborda literatura polonesa e o Holocausto
Em comemoração ao aniversário de 80 anos do Levante do Gueto de Varsóvia o Centro de Estudos Poloneses,...